Euro Hoje – Cotação em tempo real
EUR
R$
DOLAR HOJE Ver cotação
EURO HOJE Ver cotação
BITCOIN HOJE Ver cotação

Euro Hoje – Cotação em tempo real

Saiba tudo sobre o Euro

O Euro é a moeda oficial da chamada “Zona do Euro” e é tão forte quanto o próprio dólar. A moeda é referência para vários países e, mais especificamente para os países da Zona do Euro, é a moeda de troca oficial, internamente e externamente.

A União Europeia é mais ou menos parecida com o Mercosul aqui na América Latina, só que bem mais poderosa, comercialmente falando e uma grande maioria dos países que compõem a UE fazem parte da Zona do Euro. Nos tempos atuais, devido a crises econômicas internas ou divergências com o bloco, alguns países abandonaram a Zona do Euro ou estão em vias de.

O Euro hoje é considerada a 2ª moeda mais importante do mundo onde, além dos países da própria Europa, ela é usada por aproximadamente 200 milhões de pessoas do mundo inteiro. Pode-se considerar que o Euro é a unidade básica da moeda, como é no Brasil para o real “R$1” e o dólar “US$1” nos EUA.

Por conceituação, 1 Euro é representado como “€1” e contém 100 cêntimos. Apesar da moeda ser igual em todos os países que a utilizam, cada país, no entanto, atribui suas próprias faces às moedas do Euro. Confira abaixo as divisões entre todas as moedas válidas do Euro:

€ 2 = 2 Euros (maior – 200 cêntimos)

€ 1 = 1 Euro (100 cêntimos)

€ 0,50 = 50 cêntimos

€ 0,20 = 20 cêntimos

€ 0,10 = 10 cêntimos

€ 0,05 = 5 cêntimos

€ 0,02 = 2 cêntimos

€ 0,01 = 1 cêntimo

Um Pouco da História do Euro

Historicamente falando, atribui-se que o Euro surgiu devido a necessidade de unir os países europeus e de recuperar a economia, que estava em séria crise após a Segunda Grande Guerra Mundial. A ideia do estabelecimento da moeda única na CEE nasceu já na década de 70.

No entanto, apenas após o Tratado de Maastricht, de 1992, esta ideia passou da teoria para o Direito. Este tratado foi celebrado pelos 12 países que na época compunham a Comunidade Econômica Europeia (CEE). Inicialmente, o Euro recebeu o nome de ECU (European Currency Unit em Inglês).

Esta nova moeda que surgia, já bem poderosa na época, teve seu nome definitivamente alterado por resolução do Conselho da União Europeia de 31 de dezembro de 1998 e entrou oficialmente em vigor em 1 de janeiro de 1999 em forma não material ainda e sim apenas transferências, cheques, etc., e em 1 de janeiro de 2002 as primeiras notas e moedas, enfim, foram confeccionadas.

Qual a Diferença: Euro Comercial e Euro Turismo. Existe Euro Paralelo?

Esta é uma dúvida muito comum para a maioria dos brasileiros que pretendem viajar para o exterior e precisam comprar dólares, euros, etc. Afinal, qual cotação devo levar em consideração? Existe o Euro paralelo?

Vamos começar pelo Euro Comercial que nada mais é do que a moeda sendo comercializada entre as instituições financeiras, bancos, etc. Você, como pessoa civil ou mesmo jurídica, mas fora do âmbito financeiro, não deve considerar esta cotação para a compra e venda de Euros.

Se você vai viajar, considere o Euro Turismo como a cotação mais válida. Mas, e aí, mesmo o Euro Turismo possui várias cotações…qual devo considerar? Aí depende, porque é um mercado financeiro. Assim, você tem todo o direito de procurar quem lhe venda euros com cotações melhores.

Quanto ao Euro Paralelo, como no caso do dólar, oficialmente ele inexiste porque sua comercialização é ilegal. Para o dólar, sua cotação paralela é divulgada e no caso do Euro nem aparece tal cotação. Mas mesmo com referência ao dólar, o paralelo é ilegal.

Quem está na Zona do Euro?

A Zona do Euro é composta por 19 países do continente Europeu e da União Europeia. Só que este número pode a qualquer momento diminuir ou aumentar, conforme crises econômicas internas de cada país, divergências no bloco, mudanças nas “regras do jogo”, entre outros motivos. Já a União Europeia compõe-se de 28 Estados-membros independentes.

O Euro pode ser Utilizado em Países fora da Zona do Euro?

Isto vai depender muito de cada país. Alguns até aceitam totalmente a moeda, outros, parcialmente, como é o caso da Inglaterra, que não faz mais parte da Zona do Euro (nem da União Europeia) e o comércio em geral ficou livre para aceitar ou não o Euro. A moeda oficial do Reino Único é a libra esterlina.

Assim, se você visitar a Inglaterra com Euros, o melhor a fazer é logo trocar seus euros pela libra esterlina e aí poder passear mais tranquilo. Procure uma filial de seu banco no país ou uma agência de turismo ou de câmbio. Atualmente, 9 países da UE nem entraram ou já saíram da Zona do Euro, que são:

  1. Bulgária
  2. Croácia
  3. Dinamarca
  4. Hungria
  5. Polónia
  6. Roménia
  7. Reino Unido
  8. República Checa
  9. Suécia.

Obs.: existem alguns poucos países, fora do bloco europeu, que aceitam o Euro. Informe-se a respeito com antecedência.

No Brasil, onde Posso Comprar Euros?

No Brasil, você pode adquirir seus euros turismo diretamente nas instituições financeiras devidamente autorizadas pelo Banco Central do Brasil. A maioria delas são bancos privados, casa de câmbio e agências de turismo. Vale lembrar que cada país do bloco europeu pratica sua própria taxa de câmbio.

No Brasil, vale a taxa cambial do nosso país e é nesta cotação que você deve se basear. O BC apresenta uma taxa média, considerando as taxas de várias instituições financeiras devidamente autorizadas que comercializam a moeda. Esta taxa cambial média serve de base para os outros bancos e agências de turismo e de câmbio.

Deste modo, quando você for comprar euros, consulte o valor da cotação do seu banco. Lembre-se que algumas instituições colocam o valor da cotação da moeda o mais baixo possível, mas, por outro lado, cobram taxas extras de serviço provenientes da troca da moeda e, neste caso, seus euros podem sair mais caro.

Evite também trocar moedas nos aeroportos, do Brasil e do mundo. Só faça isto em último caso, ou seja, você precisa de euros naquele momento e não tem como procurar outro local para trocar. Isto porque a maioria das casas de câmbio presentes nos aeroportos aproveitam-se da situação do turista que ali está para cobrarem cotações maiores.